Evento acadêmico


Agência Focaia
Redação
Barbara Argolo


                                          Foto: Arquivo NPD

Pesquisadora Colombiana participa de encontro com 
grupo de pesquisa no campus Araguaia

Na última quarta-feira (09) o Núcleo de Produção Digital e o grupo de pesquisa Africanidade e descolonização (AFRID) promoveram na Universidade Federal de Mato Grosso, Campus Araguaia, uma roda de conversa com a doutoranda e pesquisadora da Universidad Cooperativa de Colômbia, Parra Valencia.

No encontro, Valencia destacou o papel da academia em dialogar com a produção de conhecimentos a partir dos saberes que não necessariamente fazem parte do universo acadêmico. “A minha recomendação é usar autores de países Latinos Americanos com diferentes epistemologias, experiências e práticas. Também utilizar obras que incluam na produção acadêmica e não acadêmica de mulheres, afrodescendentes e indígenas” ressaltou.

Para a professora do curso de letras e doutora Marinete Luzia, umas das coordenadoras do grupo de pesquisas AFRID, o encontro é um momento oportuno para os professores do Instituto de Ciências Humanas e Sociais do Campus Araguaia (ICHS/CUA), que possuem interesse em construir um programa de mestrado, tendo como foco a interculturalidade, a descolonização e os estudos da língua indígena.

“A roda de conversa contribuiu no sentido de ampliar o diálogo com outras instituições da América Latina, que também estão pensando na construção de novas epistemologias. Ou seja, nos preparar do ponto de vista teórico e para conhecer outras pesquisas que abordam esses temas".

O encontro contou com a participação de pesquisadores de diferentes áreas da universidade, bem como de discentes dos cursos de Letras e de Comunicação Social, que desenvolvem investigações sobre povos indígenas e afro-brasileiros.


*Via Núcleo de Produção Digital

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta postagem.