Escrito por Nathália Carvalho 
 


Se fosse uma pessoa, o WhatsApp seria uma criança de apenas cinco anos. Em todo mundo, o aplicativo que permite a troca de mensagens pelo celular sem pagar por SMS já conquistou 600 milhões de usuários. Por observar como os adeptos da tecnologia se relacionam com a ferramenta, o jornalista Fábio Gusmão, editor digital do jornal carioca Extra, decidiu incluir o app no dia a dia da redação. Depois dele, vários outros veículos apostaram na ideia.

Para saber como tem sido o trabalho e quais benefícios o aplicativo trouxe para o jornalismo, a reportagem do Portal Comunique-se conversou, nesta semana, com seis redações - além de Extra, Correio do Povo, Folha de S. Paulo, Rádio Bandeirantes, Bandnews FM e Bradesco Esportes FM. Investimento, mudanças e adaptação da equipe, fluxo de mensagens recebidas e influência da tecnologia na comunicação são alguns pontos abordados nas entrevistas. Os furos conquistados a partir de informações que chegam pelo aplicativo também são contados.

Os relatos têm em comum o baixo investimento, a aproximação entre o público e o veículo de imprensa e mais agilidade no processo jornalístico, além de uma certeza: o trabalho com o WhatsApp, para essas empresas de comunicação, seguirá firme e forte em 2015. Confira, no C-SE, o que os executivos falam sobre o assunto.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta postagem.