Cobertura de gelo no Ártico aumenta 60% em apenas um ano

Antes do início do congelamento dos oceanos que ocorre em setembro, os cientistas já observam enormes áreas de oceano congeladas. A nova área coberta por gelo tem 5,1 milhões de quilômetros quadrados e está afetando a navegação do Atlântico Norte, obrigando a mudança de rotas.  Nas imagens de satélite abaixo é possível visualizar o fenômeno: a cobertura de  gelo aumentou 60% em apenas 1 ano.

Cobertura de gelo


Tudo leva crer que estamos entrando em um novo período de congelamento ao invés do aquecimento global tão decantado. Se esse for o caso o assunto aquecimento global  será um dos grandes erros científicos da história humana. Os catastrofistas e a mídia já haviam afirmado (inclusive a BBC) de que em 2013 o Ártico não mais teria a cobertura de gelo.  No entanto, o que se vê é um aumento de 60% na cobertura de gelo do oceano o que contraria total e absolutamente as teorias catastrofistas do aquecimento global. 

O aquecimento, como já discutido no Portal do Geólogo (veja  mais), já havia arrefecido desde 1997. O que ocorre é que nenhuma entidade envolvida com o aquecimento global, incluindo universidades e mesmo Governos, está aceitando rever a teoria de que o aquecimento global já deixou de existir a quinze anos.   Existe muito dinheiro e ego nesta história. Afinal, prêmios Nobel foram  distribuídos juntamente com bilhões de dólares que foram injetados nessas  entidades, ONGs e Governos, por conta do aquecimento global.


Esse congelamento do Ártico mostra que as emissões de gás carbônico e gases de efeito estufa não são responsáveis pelas mudanças climáticas como esses organismos querem. As grandes mudanças climáticas estão relacionadas a eventos geológicos, às correntes marinhas e ao sol. O resto é história. 


Fica, também, muito claro a ineficiência dos cientistas em prever o clima em  apenas 1 ano, quanto mais em centenas de anos como muitos haviam modelado em  seus supercomputadores. Supercomputadores causam super erros.


É a máxima da informática "crap in crap  out".

É hora de rever as políticas e abrir os horizontes.



0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta postagem.