O Tom da entrevista

“Hoje a notícia se espalha com uma velocidade assustadora. Em qualquer lugar que a gente vai tem alguém com um radinho de pilha ouvindo notícias”. Numa época em que não havia nenhum tipo de I – Ipod, Ipad, Iphone – o espanto de Tom era com o radinho de pilha, daqueles forrados com uma capa de couro e que funcionavam com as pilhas amarelinhas. 

Foto: Lima Coelho 

Leia a matéria publicada na Carta Capital, no ano passado, em que Alberto Villas confessa que tem um vício: Ler entrevistas antigas. Numa delas, em pleno 1967, Tom Jobim já estava preocupado com o avanço da tecnologia e a revolução que o mundo viria a passar algumas décadas depois. Em vários momentos ele cita o poderio do radinho de pilha. Sim, o simplório radinho de pilha. Tom, em tom assustado, diz que o mundo tinha virado uma loucura, isso numa época em que a internet nem engatinhava ainda.

 

 
 

 
 

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta postagem.