Observatório de Pesquisas Aplicadas ao Jornalismo e ao Ensino - Opaje-UFT acaba de criar a Rede Internacional de Pesquisadores sobre Bolonha. Trata-se de uma rede que reúne pesquisadores que desenvolvem estudos e pesquisas em torno do Processo de Bolonha, do MERSOSUL, da União Europeia/CPLP-PALOPS e o impacto dos BRICS nos processos de formação.
A rede conta com participação de pesquisadores de 22 universidades entre brasileiras, de países africanos (sobretudo Moçambique e Cabo Verde), de Portugal, Espanha e da Inglaterra. O objetivo é que rede se expanda para os países que participam de Bolonha.
A rede é fruto das atividades previstas no edital universal que aprovei em 2014, que tenciona ainda a publicação de livro com textos dos participantes dos países e missões de pesquisa.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta postagem.