Dona de casa perdeu R$ 1,8 mil na Telexfree

Dona de casa investiu R$ 1,8 mil para comprar cadeira motorizada.
Telexfree continua com atividades suspensas em todo o país.

Rayssa NataniDo G1 Acre

Nilda Souza (Foto: Rayssa Natani/ G1)Nilda Souza sonha em comprar uma cadeira de rodas motorizada (Foto: Rayssa Natani/ G1)
Há menos de um mês, a dona de casa Nilda de Souza investiu R$ 1,8 mil na empresa Telexfree. Com os lucros, ela pretendia comprar uma cadeira de rodas motorizada. A decisão da Justiça que impediu a empresa de operar no país, levou Nilda a protestar junto com outros divulgadores em frente ao Ministério Público do Acre na última quarta-feira (26).
Quero que ela [a Justiça] decida. Se continuam a permitir os trabalhos da Telexfree ou devolvam o dinheiro. O que eu investi, eu guardei com muita dificuldade", lamenta. Nilda diz que acreditou que o investimento traria lucros em pouco tempo, o que facilitaria a compra da nova cadeira de rodas.
"É o meu sonho essa cadeira. Investi meu dinheiro para render mais e comprar mais rápido. Eu pretendia ir recebendo e colocando de novo. Assim conseguiria mais dinheiro até completar o valor da cadeira", conta. Com a decisão da Justiça de bloquear os pagamentos dos divulgadores menos de um mês após o investimento, Nilda não recuperou o que aplicou na empresa.
Entenda o caso
No último dia 18, a juíza Thaís Borges, da 2ª Vara Cível da Comarca de Rio Branco, julgou favorável a medida proposta pelo Ministério Público do Estado do Acre (MP/AC) para suspender as atividades da Telexfree. A decisão é válida até o julgamento da ação principal, sob a pena de multa diária de R$ 500 mil em caso de descumprimento. No último dia 24,o desembargador Samoel Evangelista, do Tribunal de Justiça do Acre (TJ/AC) indeferiu o pedido de revisão das sentenças impetrado pelos advogados da Telexfree e manteve a suspensão.
A decisão deixou muitos divulgadores da empresa preocupados com a possibilidade de perderem tudo o que foi investido.

Assista ao vídeo abaixo:

2 comentários:

leo_630_iks disse...

Perdeu????????
É por essas e outras que não dou credibilidade a esses bloguezinhos de merda.

Não foi a telexfree que não pagou e sim a ação judicial movida pelo juiza do acre que suspendeu os pgtos.


Nem sei por que estou perdendo tempo nesse blog, ninguem le isso aqui....

ahuaahuhuahuahahau

Alfredo Costa disse...

Presta atenção, Leo! O texto é da Rayssa Natani, do G1 Acre, e do vídeo, da TV Centro América.

Agora, as estatísticas revelam que, além de você, mais de mil pessoas, em média, leem nosso blog, twitter e Fanpage do Facebook.

ahuaahuhuahuahahau

Postar um comentário

Comente esta postagem.