O Estatuto da cibercultura no Brasil

Saiu o número 34 da Revista Logos do PPGC-UERJ, que traz um dossiê dedicado aos estudos da cibercultura no Brasil. Os artigos  expressam a diversidade de estudos que se inscrevem na interseção dos campos da cibercultura e da comunicação. 
É um conjunto de textos que afirma a intensa diversidade de temas, objetos, metodologias e arcabouços. Entre eles uma análise da produção brasileira de pesquisa em cibercultura da Intercom, de autoria de Sandra Portella Montardo e Adriana da Rosa Amaral. 

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta postagem.