Os projetos de 60 pesquisadores da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) foram aprovados na Chamada Universal 2013, lançada em parceria pelo Ministério da Ciência e Tecnologia e Inovação (MCTI) e Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). 

O objetivo é apoiar projetos de pesquisa que visem contribuir significativamente para o desenvolvimento científico e tecnológico do país, em qualquer área do conhecimento. Os recursos são provenientes do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT/Fundos Setoriais), R$ 120 milhões, e do orçamento do CNPq, R$ 50 milhões.

A Chamada MCTI/CNPq Nº 14/2013 dividiu a concessão de recursos por faixas, sendo as propostas de 44 pesquisadores da UFMT contempladas na faixa A (até R$ 30 mil), de 10 pesquisadores na faixa B (até R$ 60 mil) e de seis pesquisadores na faixa C (até R$ 120 mil).


Na faixa A, foram contemplados projetos nas áreas de:
Arquitetura, Demografia, Geografia, Turismo e Planejamento Urbano e Regional; Educação; Recursos Florestais; Zootecnia; Geociências; Ecologia e Limnologia; Antropologia, Arqueologia, Ciência Política, Direito, Relações Internacionais e Sociologia; Ciências Ambientais; Farmácia; Física e Astronomia; Engenharia Agrícola; Biofísica, Bioquímica, Farmacologia, Fisiologia e Neurociências ; Ciência e Tecnologia de Alimentos; Imunologia; Engenharia Mecânica, Naval e Oceânica e Aeroespacial; Zoologia; Letras e Linguística; História; Química; Agronomia; e Genética.

Na faixa B, foram contemplados projetos nas áreas de:

Arquitetura, Demografia, Geografia, Turismo e Planejamento Urbano e Regional; Medicina Veterinária; Zootecnia; Morfologia; Engenharia Agrícola; e Zoologia.


E na faixa C, nas áreas de:
Educação; Geociências; Ciências Ambientais; Engenharia Agrícola; Biofísica, Bioquímica, Farmacologia, Fisiologia e Neurociências; e História.

Confira os resultados:


Universal 14/2013 - Faixa A - até R$ 30.000,00
Universal 14/2013 - Faixa B - até R$ 60.000,00
Universal 14/2013 - Faixa C - até R$ 120.000,00


Fonte: ufmt.br

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta postagem.