Nutella com maconha vira batalha judicial


Maconha na Nutella vira batalha judicial por pirataria de marca

A multinacional italiana Ferrero, fabricante do creme de avelã Nutella, informou que vai tomar providências legais para proteger sua marca contra imitações. A empresa quer evitar a vinculação do seu produto com o de uma companhia californiana que lançou a Nugtella, creme que mistura chocolate com maconha medicinal.

Autorizada para uso medicinal em 18 estados americanos e para uso recreativo em outros dois, a maconha começa a dar impulso à criação de novas marcas em uma indústria que atrai empresas interessadas em aproveitar o novo mercado para lançar produtos especializados. Leia mais

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta postagem.