Morre aos 88 anos engenheiro americano que inventou o mouse

Folha de S. Paulo
 

Douglas-Engelbart-inventor-rato-2
Douglas Engelbart é também considerado o inventor do rato do computador.


O engenheiro americano Douglas Engelbart, que se notabilizou por ter inventado o mouse, morreu anteontem, aos 88 anos, vítima de insuficiência renal.

Segundo informações do jornal "New York Times", Engelbart estava em sua casa, na cidade de Atherton, no Estado da Califórnia, acompanhado de sua mulher, Karen O'Leary Engelbart, quando morreu.

Famoso pela invenção do periférico para computadores, Douglas Engelbart é considerado um visionário da informática.

Ainda na década de 1960, impressionou a indústria ao fazer uma demonstração das tecnologias em que trabalhava, como a conexão de computadores em rede, videoconferências, edição de textos, hiperlinks e sistema de janelas --invenções fundamentais para a informática moderna e que só seriam comercializadas anos depois que Engelbart as apresentou.

ARREPENDIDO
Em 2008, o engenheiro foi entrevistado pela Folha e revelou arrependimento por não ter lucrado tanto quanto poderia com sua mais famosa invenção, o mouse, popularizado na década de 1980 pela Apple.

"Eu era inocente, um garoto de campo. Jamais ganhei muito dinheiro com ele." declarou na época.
Além da mulher, Engelbart deixou quatro filhos e nove netos.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta postagem.