honorioj2506
Repórter relatou como foi a cobertura dos protestos em Goiânia (Imagem: Reprodução/Globo)

A situação dos protestos em Goiânia na noite de segunda-feira, 24, foi complicada e assustadora. A informação é do repórter da TV Anhanguera, Honório Jacometto, que na ocasião foi agredido por um grupo. O profissional falou sobre a cobertura das manifestações ao programa de Fátima Bernardes.

De acordo com as informações, o jornalista da afiliada da TV Globo foi cercado e empurrado por pessoas que gritavam "Fora Globo". A intervenção da polícia militar foi necessária. O protesto realizado na noite passada reuniu cerca de 4 mil pessoas. Jacometto conta que 4 carros de emissoras foram destruídos, sendo dois da TV Anhanguera, um da afiliada do SBT e um do jornal O Popular. "Ficamos bastante assustados com tudo o que aconteceu", relatou a Fátima.

Nesta manhã, ao reportar informações sobre as manifestações, Jacometto usava a identificação da emissora e relatava que, naquele momento, o protesto seguia tranquilo. Porém, no site da Globo, é possível encontrar matérias feitas pelo jornalista com microfone sem a canopla do canal - medida usada por alguns veículos para manter a segurança do profissional. Mais


0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta postagem.