Pesquisa e conhecimento

Agência Focaia
Luis Felipe Rodrigues


Para entender os meios de comunicação, como o jornal, as revistas ou até mesmo uma obra literária, é necessário que o pesquisador mergulhe fundo nas palavras e sentidos das ideias escritas. Neste aspecto, os estudiosos da chamada Análise do Discurso usam uma espécie de “lupa”, uma lente de aumento para enxergar aspectos nem sempre visíveis aos leitores, daquilo que é pensado e narrado por um ou mais autores.

Como o texto tem o propósito de produzir, dar sentido a algo que se quer dizer (ideia, ideologia), a partir das possibilidades que a gramática oferece, é possível adquirir conhecimento sobre os seus leitores ao pesquisar as publicações das mídias ou diversas obras. Embora este não seja um trabalho fácil, o caminho da pesquisa já foi iluminado por importantes estudiosos, dentre eles, Mikhail Bakhtin, Michel Foucault e John Thompson, quase sempre citados nas discussões acadêmicas.

Assim, quando professores e estudantes aprofundam nos seus ensinamentos ganham habilidade para saber decifrar as estruturas de interpretação de textos, portanto, mais fácil de ser compreendido, gerando resultados importantes para a área acadêmica, no entendimento do pensamento humano e ações sociais.

Com o objetivo de fomentar estas analises, o Grupo Limiar desenvolve na UFMT, Campus Araguaia, projeto interdisciplinar, no qual promove discussões e estudos dos fenômenos da linguagem nos espaços midiáticos, pedagógicos e clínicos e permite a discussão através do curso livre de “Introdução à Análise de Discurso”. O projeto busca oferecer aos alunos e interessados a oportunidade de conhecerem a metodologia de análise do texto (discurso), auxiliando no desenvolvimento de  habilidades nas pesquisas da área de Ciências humanas.

Iniciação Científica

O projeto que objetiva entender a linguagem midiática surgiu após reunião de professores e acadêmicos de Linguística, Comunicação e Psicologia interessados em desvendar o fenômeno da comunicação, considerando papel importante da leitura no cotidiano social. 

Deste modo, conforme os organizadores, o projeto busca aprofundar experiências na exploração e aplicação do método da Análise do Discurso, de modo a acrescentar e reforçar novas perspectivas para a compreensão da relação entre texto e leitor, na formação do comportamento social. O grupo de pesquisa ganha força em decorrência da pesquisa do tema ser fundamental nas áreas acadêmicas que têm a linguagem como base.

Segundo o professor do curso de jornalismo e um dos responsáveis pelo projeto, Deyvisson Costa, a Análise do Discurso permite interpretações a partir da língua e da história, buscando reconhecer a historicidade de todo o enunciado. “É uma forma de compreender como nos tornamos historicamente aquilo que somos, tendo em vista os enunciados que socialmente produzimos”.

Além de Costa, a docente do curso de letras, a professora Cristina Batista Araújo, integra o projeto, como idealizadora e também coordenadora das discussões em sala de aula com estudantes da UFMT.

Para os interessados na pesquisa sobre Análise de Discurso, os encontros ocorrem no Campus Universitário de Barra do Garças, na sala 206, entre 16h e 18h, sempre às terças-feiras. O próximo encontro está marcado para o dia 9 de setembro.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta postagem.