Bar graph of median annual salaries for communications graduates in the U.S., according to the Cox International Center. Source: Poynter
​Um relatório recente da Associação Nacional de Universidades e Empregadores (Nace, na sigla em inglês) sobe a média de salários iniciais dos graduados em Comunicação gerou uma onda de críticas esta semana. O relatório da Nace mencionado pelo Poynter na segunda-feira, 28 de janeiro, afirmava que o salário inicial de formados em Comunicação em 2012 era  3,3% maior que 2011, aumentando de $39.600 dólares por ano para uma média de $40.900 dólares. 
relatório da Nace enfatizou que os graduados em publicidade tiveram os maiores aumentos de salário em relação aos seus pares formados em comunicação e jornalismo. Emissoras de rádio e televisão foram listadas como as indústrias "top" para recém-formados em jornalismo, já que pagam um salário inicial de $33.460 dólares, segundo o relatório. 
A revista Columbia Journalism Review criticou os dados como  “confusos”, afirmando que eles não inserem a inflação em seus cálculos; não contam os freelancers, estagiários ou graduados que não conseguem encontrar empregos; e não diferenciam os que trabalham com jornalismo de outros que encontraram empregos em outra profissão. 
A CJR não foi a única que ficou surpresa com a avaliação do relatório: Mais

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta postagem.